Como evitar irritação na pele depois de fazer a barba

Em artigo sobre irritação na pele após fazer a barba, imagem mostra uma faca com cabo de madeira cortando ao meio um pimentão vermelho, em uma mesa de madeira e com fundo bege.

Coceira na barba, vermelhidão, inchaço? Pode ser pele irritada! Saiba como agir e faça as pazes com seu aparelho de barbear.

Ostentar nossos pelos faciais com orgulho e fazer um monte de desenho de barba diferente – ou, ainda, não usar nada e ter a opção de compor um visual mais clean – são algumas vantagens de ser homem.

Agora, se a gente não cuida direitinho, o ‘prêmio’ pode ser uma bela irritação na pele. Saiba o que causa esse transtorno e como evitar.

Barba irritada e coçando: o que pode ser?

Em artigo sobre irritação na pele após fazer a barba, imagem mostra homem branco com boné cinza de abas azuis contendo o logo de um gambá. Ele usa camiseta branca, faz uma careta, entortando a boca para o lado, e tem uma barba longa e crespa castanha.

Foto: Erik McLean | Unsplash.

Vermelhidão no rosto, sensibilidade na pele, coceira na barba, e, às vezes, até umas ‘bolinhas’ que surgem onde coça são os sintomas da irritação, que, em alguns casos, também são acompanhados de descamação e até inchaço.


É um quadro comum a vários probleminhas diferentes, mas, em grande parte dos casos, a origem é mesmo o uso da lâmina de barbear. Como causa atrito, o ato de barbear é, em si, uma agressão à pele. Por isso, é preciso tomar uma série de cuidados para torná-lo mais suave. 


Outras duas razões – que, às vezes, surgem da primeira – são a foliculite e a pseudofoliculite, que se caracterizam como uma espécie de ‘inflamação pós-barba’.

A foliculite, na barba, é causada por impurezas e microrganismos, que podem ser levados para dentro da pele pelos cortes feitos por um barbeador gasto ou sujo. Isso causa a inflamação, que atinge o folículo e geralmente tem como culpada a Staphylococcus aureus.

Essa bactéria tem o costume de viver na superfície da nossa pele, ‘de boas’, sem causar transtorno – mas, quando entra no corpo, pode desencadear uma infecção que tem como resultado as ‘bolinhas’ com pus, que parecem espinhas e coçam bastante.

Já na chamada pseudofoliculite da barba, os sintomas são parecidos, mas não há microrganismo envolvido. A origem são os pelos encravados, que se voltam para dentro da pele e causam a inflamação.

O que é bom para irritação na barba?

A maneira mais simples de evitar a pele irritada é se barbear de maneira adequada:

Em artigo sobre irritação na pele após fazer a barba, imagem mostra homem de pele clara utilizando espuma no rosto e o barbeador The Razor, da Dr. Jones, para barbear-se.

  • Fazer uma correta limpeza de pele;
  • Usar uma boa lâmina. Evite as gastas e fique atento à hora de trocar os refis;
  • Procurar fazer a barba depois de um banho morno, quando os pelos ficam mais fáceis de cortar;
  • No primeiro corte, raspar no sentido do crescimento dos pelos;
  • Usar espuma de barbear e outros produtos próprios para a barba, que limpam, facilitam o deslizar do barbeador e mantêm a oleosidade;
  • Não fazer barba com sabonete nem usar produtos feitos para outras partes do corpo;
  • Cuidar da hidratação da pele e do pós-barba, para fechar os poros.

Outra dica muito importante é usar um barbeador de qualidade. Lâminas ruins precisam ser passadas várias vezes no mesmo lugar porque não cortam bem, o que aumenta o atrito e, portanto, a irritação. Preste atenção aos seguintes pontos:

  • Quantidade de lâminas: barbeadores com mais lâminas evitam as passadas repetidas;
  • Fita lubrificante: diminui o atrito e facilita o deslizar;
  • Faixa de segurança: prefira um aparelho de barbear que separe os pelos colados à pele antes da passada da lâmina, o que ajuda a evitar a ocorrência de pelo encravado;
  • Cabo ergonômico: uma boa empunhadura dá firmeza e diminui a chance de cortes acidentais.

E você, já teve problemas com irritação na pele por causa do barbear? Como resolveu? Compartilha aqui com a gente.

Foto/Destaque: K z | Unsplash.

Leia também:

ar
Receba as matérias mais bacanas no seu e-mail