Foto mostra homem loiro e tatuado, braços cruzados, camiseta regata cinza e cabelo raspado nas laterais em frente a luzes brancas com fundo marrom. Ele tem a barba longa, estilo lenhador.

5 dicas de cuidados com a barba longa

A barba masculina precisa, sim, de cuidados para se manter bonita, macia e alinhada, especialmente quando o comprimento fica evidente. Se você é adepto de barbas grandes, como a barba lenhador, preste atenção nessas dicas que valem ouro!

Então, você finalmente atingiu sua meta. Conseguiu superar a fase da coceira na barba, deu uma chance à Mãe Natureza – e agora ostenta uma barba cheia e longa, na medida para fazer inveja aos amigos e sucesso nos eventos e baladas... Só que não.

De repente, você descobriu que cuidados com a barba para evitar resultados indesejáveis, como ressecamento e o temido efeito frizz, não apenas são necessários como parecem mais complicados do que você imaginava.

Então, como fazer para deixar a barba grande, saudável e bonita? Hoje, vamos dar algumas dicas importantes sobre isso, e você vai ver que cuidar de sua barba longa pode ser, na verdade, bem prazeroso – e nada complicado.

Dica 1. Lave e hidrate o rosto

Foto de homem branco, cabelos escurso e barba desenhada escura, comprimento médio. Ele usa camiseta branca e passa a mão no rosto, aplicando um produto, em frente a fundo laranja.

Foto: Dr. JONES (todos os direitos reservados).

Preocupações sobre como deixar a pele do rosto bonita e hidratada parecem não fazer parte do repertório de muitos homens. Deveriam – e em nome da barba, inclusive.

Basta lembrar onde nasce o pelo: o folículo piloso, que provém da derme, camada intermediária da pele.

Além disso, o pelo é formado pelo mesmo tipo de célula que a epiderme, chamada mais externa da pele. São os queratinócitos.

Calma que não vamos dar uma aula de bioquímica. O importante é entender que tudo isso significa que uma pele bem cuidada aumenta as chances de pelos mais saudáveis. Afinal, você está cuidando da base.

Outro ponto importante é que cuidar da pele – inclusive visitando o dermatologista sempre que necessário – evita a ocorrência de irritação, inflamação, infecções e outros problemas que podem comprometer a saúde da sua barba e até o crescimento dela, como a foliculite.

Neste blog, já explicamos como fazer uma rotina prática de skincare masculino e manter a hidratação, esfoliação e nutrição da pele em dia. Dá uma olhadinha lá.

Dica 2. Lave a barba diariamente

Foto de homem branco, cabelos escuros e barba lenhador, emergindo, molhado, de uma fonte termal (piscina natural).

Foto: Doruk Yemenici | Unsplash.

Uma barba grande, por seu próprio tamanho, tende a acumular resíduos, como partículas de sujeira do ambiente e poluição.

Por isso, a palavra de ordem é higiene. Lave-a – mas preste atenção no produto que vai usar.

O ideal é usar um shampoo para barba, em vez, por exemplo, do shampoo que você usa para seus cabelos.

Isso porque o pelo da barba tende a ser mais espesso que o do cabelo, com uma tendência a se enrolar. Tem, portanto, características próprias. Ademais, shampoos tradicionais costumam tratar, além do fio, o couro cabeludo.

É o caso de um shampoo anticaspa para o cabelo, por exemplo, que age no couro cabeludo para combater o fungo causador da caspa. A questão é que o couro cabeludo tem características diferentes da pele do rosto, e isso torna o shampoo adequado... para os cabelos mesmo.

Ademais, o uso de produtos inadequados para lavar a barba pode causar problemas como queda de pelos, oleosidade ou ressecamento e até, sim, caspa na barba! Então, escolha sabiamente e prefira produtos próprios para ela.

Dica 3. Seque, escove, penteie

Apesar de o pelo ser diferente, tem até coisa em que os cuidados com a barba lembram os cuidados com o cabelo, não?

Além de lavar, por exemplo, você também precisa secar direitinho e tratar de manter os fios alinhados. Secar a barba e o bigode corretamente é importante porque não remover bem a umidade pode ser prejudicial para a saúde da pele e da própria barba.

Só para dar um exemplo: um ambiente quentinho, úmido, peludo e aconchegante como a sua barba é um convite perfeito para microrganismos, como fungos e bactérias, se multiplicarem ali e brincarem de casinha.

Foto do pente de madeira para barba da Dr. JONES.

Foto: Dr. JONES (todos os direitos reservados).

Você não quer isso, nós também não. Então, quem tem barbas muito longas, como a barba lenhador, pode até recorrer ao secador de cabelo para essa tarefa, o que não tem problema.

escovar e/ou pentear a barba e bigode é importante para manter os fios sob controle, combater o frizz e evitar nós e quebras. É legal trabalhar sempre no sentido dos pelos.

A escova para barba é boa para controlar o volume e massagear a pele do rosto, estimulando a circulação sanguínea lá onde a barba nasce. 

Por sua vez, um bom pente para barba neutraliza a eletricidade estática dos fios, mantendo-os alinhados, o que é importante na hora de aparar os rebeldes.

Dica 4. Cuide do seu desenho de barba

Foto de homem com barba desenhada, cabelos ruivos e raspados nas laterais em degradê, com o espelho lateral fixado pelo barbeiro, que tem cavanhaque e usa camiseta vermelha.

Foto: Jan Kopriva | Unsplash.

Independentemente do estilo de barba que você use, é quase certo que haverá um design para o seu formato de barba.

Esse design tanto pode envolver as linhas da bochecha e a região do queixo, ali no cavanhaque, quanto o bigode e os pelos embaixo.

Muito barbudo recorre aos barbeiros para isso, o que não deixa de ser uma boa ideia. Afinal, eles são profissionais formados especialmente para este e outros tipos de cuidados com a barba.

No entanto, quer você vá ao barbeiro ou não, existe sempre uma fase de manutenção em casa, mesmo que seja apenas para manter as linhas demarcadas e não perder o aspecto de barba desenhada que é tão bacana.

Para fazer isso, vale recorrer ao que for mais adequado ao seu caso: tesouras próprias para a região, barbeadores elétricos e, claro, uma boa lâmina de barbear também.

Um cuidado extra é escolher um aparelho de barbear que possibilite uma manutenção adequada, firmeza na empunhadura e que não promova irritação na pele – e usando os produtos para barba adequados, inclusive aqueles voltados para depois do corte, como o gel pós-barba.

Dica 5. Invista em hidratação

Em frente ao mar e apoiado em cerca branca, homem de blusa bege, relógio e óculos olha para o lado direito. Ele tem barba comprida e desenhada.

Foto: Jonathan Zerger | Unsplash.

O pelo da barba é protegido pelo óleo natural da pele. No entanto, conforme ele vai crescendo e se distanciando do rosto, pode acontecer de a pele perder parte dessa capacidade.

Manter a barba bem hidratada, portanto, é essencial não apenas para a saúde dos pelos como para a boa aparência e maciez.

O ponto-chave aqui é escolher, de novo, um produto adequado. Balm para barba pode ser uma boa sacada nesse sentido e, a depender do produto, você pode até usar do mesmo modo que a espuma de barbear para fazer o corte, caso queira experimentar essa opção.

Foto mostra, em fundo azul, duas mãos. Uma delas aperta o pump do balm para barba The Shaving Solution, da Dr. JONES. A outra recebe o produto em sua palma.

Foto: Dr. JONES (todos os direitos reservados).

No que tange à ‘parte hidratante’ da coisa, um balm para barbear multifuncional, por exemplo, hidrata, condiciona e, mais uma vez, alinha os fios, além de acalmar a pele para diminuir ressecamento e coceira.

De quebra, protege barba e pele dos raios ultravioleta (raios UV), uma ação mais que necessária, especialmente para quem tem barba branca ou barba grisalha – e evita aquela ‘tentação’ de usar condicionador de cabelo, que, não, não é adequado para sua barba!

E aí, curtiu? Se você tem barba estilo lenhador ou outro estilo de barba grande, conta pra gente como faz seus cuidados diários.


Foto/Destaque: Xenia Bogarova | Unsplash.

Leia também: